18Dezembro2017

Giro
Você está aqui: Início Notícias Neto Baiano admite incômodo com seca no Goiás: 'Fico p... comigo'
21 Fevereiro 2013 Escrito por 

Neto Baiano admite incômodo com seca no Goiás: 'Fico p... comigo'

Neto Baiano estreou com a camisa do Goiás no clássico contra o Vila Nova, pela quinta rodada. Não fez gol e não escondeu a sua irritação com o simples fato de ter passado em branco no seu primeiro jogo com a camisa do clube. Vieram as partidas contra Crac e Goianésia, e nada de gols, que deixou o jogador ainda mais insatisfeito. O jejum de três jogos sem tentos é normal para muitos atacantes, mas não para Neto Baiano, que admite estar bastante incomodado com a situação.
- Tem que fazer logo o primeiro para ficar tranquilo, para a ‘maré’ ficar melhor. A ansiedade atrapalha qualquer jogador, tanto o mais experiente quanto o mais novo, mas comigo está atrapalhando um pouco. Quero marcar logo, quero ajudar o time, é meu jeito de ser, sempre gostei de fazer gol. Vai ser sempre assim, quando não faço gol fico p... comigo mesmo, chego em casa, não fico legal, é assim mesmo – declarou o atacante.

Autor de 38 gols pelo Vitória entre janeiro e agosto do ano passado, Neto Baiano foi para o Kashiwa Reysol, do Japão, onde pouco atuou. Apesar da apagada passagem no futebol japonês, o atacante reconhece que seu desempenho pelo Rubro-Negro baiano aumentou a responsabilidade para ser goleador também no Goiás, e por isso ele se cobra ainda mais.

- Estou um pouco ansioso, o treinador já me chamou para ter um pouco mais de calma, mas a ansiedade é muito grande. Saí do Brasil como artilheiro do país, vim para o Goiás com a expectativa de ser também artilheiro do Goiano. Ainda não desisti, espero que eu possa fazer gols o mais rápido possível – declarou.

Contra o Goianésia, a oportunidade de fazer o primeiro gol pelo Goiás literalmente bateu na trave. Logo aos quatro minutos de jogo, o goleador chutou no poste e perdeu a chance de mandar a bola para o fundo das redes. Para Neto, foi o exemplo de que, além da ansiedade, a falta de sorte também está atrapalhando.
- Está faltando só sorte (risos). Falta sorte e um pouquinho mais de calma, já tive muita chance e não tive a calma na hora de fazer o gol – disse.

‘O Walter foi ídolo, deve jogar’

Com Walter à disposição, muitos esmeraldinos ficam animados com a possibilidade de ver o Goiás com o seu artilheiro da Série B de 2012 ao lado de Neto Baiano. No entanto, a boa fase de Júnior Viçosa também gera dúvidas na escalação. Questionado sobre a possibilidade de ter os três juntos na equipe titular, Neto Baiano se esquivou e elogiou os companheiros, principalmente Walter.

- Não sou treinador, mas o Walter tem que entrar. Ele foi ídolo, chega a hora o professor vai ver quem é o melhor. Temos que respeitar a posição do técnico. Se o Walter tiver que jogar, o Viçosa, e eu tiver que sair, tem que respeitar. Eu sei que vim contratado, não vim com contrato para ser titular e sim pra ajudar. Espero que possa dar o melhor e o Goiás sempre vença – analisou.

Neto Baiano não quis dar sua opinião sobre uma possível formação com três atacantes, mas não escondeu o que pensa a respeito de pelo menos um setor. Segundo ele, é preciso ter um meia criativo na equipe para abastecer ao ataque.

- Tem que ter um meia. Não tem condição de jogar com três atacantes de área como eu, o Walter e o Viçosa. Só se a gente estiver perdendo um jogo difícil. Acho correto ter um meia, como o Renan, que é um grande jogador – finalizou.

Fonte: g1.globo.com



Christian Rodrigues

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

CaldasWeb, o portal sobre Caldas Novas com notícias e artigos, visando a informação para os leitores de nosso site. Contendo também os principais eventos, além claro, de um guia com empresas, telefones e muito mais, tudo para sua melhor leitura e comodidade.

Mídias Sociais

Fique sempre atualizado